QUE VENHA 2021

COM VACINA, AMOR E PROSPERIDADE

O Clube Central deseja para todos os sócios e amigos um Feliz Natal e um maravilhoso Ano Novo, repleto de paz e alegria junto daqueles que amamos. Que possamos ter logo no início deste novo ano a tão esperada vacina e que a sociedade possa se reestruturar para curar as duras feridas deixadas pela pandemia. O centenário do Clube Central acabou sendo um ano mais de provações do que de comemorações e festividades. Vencemos! Superamos! Graças ao amor que temos por essa instituição, nós lutamos juntos de forma unificada e com transparência para manter o Clube Central forte, resgatando o que precisava ser resgatado e restabelecendo nossas tradições, com respeito ao estatuto e às normas internas.

Assim conseguimos manter o Clube unido e harmônico mesmo durante esse período tão difícil. Criamos o Comitê de Crise que, sob a coordenação de Fernando Tinoco, conseguiu estabelecer as relações necessárias com o Poder Público e ser responsável por medidas que vieram a beneficiar não apenas o Clube Central, mas todos os clubes da cidade. Foi a partir de uma proposta do nosso Comitê de Crise que os clubes foram inseridos no Programa Empresa Cidadã e receberam recursos públicos para manter os empregos dos funcionários durante a crise. O convênio com a Prefeitura, que iria até outubro, foi estendido até dezembro também a partir de uma solicitação do nosso Comitê de Crise, em parceria com a Associação de Clubes de Niterói (ACN). Foram cerca de R$ 20 mil reais por mês que nos ajudaram durante todo este período, sem eventos, sem aluguel de salão, com os recursos reduzidos do Central Prime e com atrasos de algumas mensalidades, a resistir e manter os empregos de nossos funcionários. Conservamos nosso patrimônio e ainda realizamos melhorias.

Conseguimos realizar uma série de medidas necessárias e quitar dívidas inexplicavelmente herdadas da gestão do Presidente anterior que teve seu mandato interrompido pelo Conselho Deliberativo e com a intervenção do Poder Judiciário. Foram dívidas de INSS cujos impostos eram recolhidos dos funcionários e não eram efetivamente repassados à Receita Federal, dívidas de concessionárias, como de água e gás, que eram declaradas e não pagas, entre outras graves pendências que levaram o Central pela primeira vez a ter o nome na lista de maus pagadores do SERASA. Tudo isso foi rapidamente solucionado pela atual gestão que, com muita dedicação e com amor verdadeiro pela nossa agremiação, construiu as soluções necessárias para o Central voltar a ser uma entidade admirada e respeitada na sociedade niteroiense. Estamos limpos!

Obras mal feitas estão sendo também corrigidas agora, como o Salão Nobre e a Piscina. Conseguimos a tão sonhada licença provisória do Corpo de Bombeiros e estamos realizando os ajustes necessários para garantir todos os requisitos de segurança contra incêndio e pânico, o que vai nos assegurar a licença definitiva. A obra da piscina, menos de dois anos depois, comprovou o que denunciamos como irresponsabilidade daquela Diretoria. Desde a instalação elétrica – que não funciona mais e que precisará ser refeita – até as diversas obras contratadas, que eram parte do projeto, e que não foram entregues, são hoje objeto de ações judiciais e certamente farão o Clube ter o direito de ser ressarcido pelos inúmeros prejuízos impostos. 

Desta forma, o ano do centenário não pôde ser de festas e eventos como gostaríamos, mas foi de resgate e recuperação da nossa imagem social que é nosso maior patrimônio, assim como foi também de recuperação do efetivo patrimônio institucional do Clube Central.

Com nossa gestão genuinamente centraliana os sócios podem voltar a ter a tradicional tranquilidade quanto ao compromisso real de defesa de um Clube Central realmente comprometido com o bem estar de todos os sócios e com a proteção moral da nossa instituição. 

Que em 2021 possamos, já com a vacina, também voltar a festejar em grande estilo, comemorando ainda nosso tão esperado centenário e mostrando que glamour e exuberância podem e devem conviver em plenitude com ética, responsabilidade e austeridade! 

Contem sempre com nosso trabalho e dedicação! Feliz ano novo e vamos juntos em defesa da família centraliana! 

José Roberto Leite Lima
Presidente Executivo 

Maria Fernanda de Mattos Calil
Presidente do Conselho Deliberativo em exercício 

Ivan Moraes Galindo 
Presidente do Corpo Consultivo